Internacional

Travel Book da Louis Vuitton adiciona Havai, México e Tóquio

O artista de banda desenhada Esad Ribić desenha as ilhas havaianas num estilo vigoroso e realístico; enquanto Nicolas De Crécy retrata o México como um país barroco, febril, cheio de poesia; e finalmente eBoy, pioneiros na arte de pixels, alcançam a verdadeira alma de Tóquio. As exibições das obras originais irão coincidir com o lançamento dos livros por todo o mundo. As obras originais de Nicolas De Crécy, presentes no Livro de Viagem do México, irão ser apresentadas no Museu de Arte Moderna da Cidade do México, no próximo Outono.A colecção de Travel Book da Louis Vuitton é um convite a viagens reais e virtuais, enriquecidas por estimulação intelectual e momentos intensos. Nas suas páginas, as ilustrações de artistas de renome e de jovens talentos promissores contam as histórias das cidades e dos países que visitaram, retratando cada sítio através da sua arquitectura e luz, registando os dias que passam e a vida do seu povo.

Herdeiros da colecção Carnets de Voyage da Louis Vuitton, que por quase vinte anos capturaram as aventuras urbanas de alguns ilustradores e aguarelistas, os Travel Book oferecem uma nova e contemporânea visão de viagem, explorando desertos remotos e cidades que nunca dormem. Cada artista explora um país anteriormente desconhecido para eles, enfrentando assim um lugar não familiar com um ponto de vista aguçado pela surpresa do desconhecido ou estimulado pelo prazer da redescoberta. Esta visão de um lugar como uma página em branco, sem forro, inspira comentários incisivos que podem ser narrativos, afectuosos, satíricos ou pitorescos.

Para além da vocação pictórica destes diários de viagem, a colecção destaca os ricos horizontes estéticos da arte. Os mundos criativos em exibição são altamente diversos: durante as suas viagens, os artistas de vários cantos do mundo foram livres para escolher o seu modo de expressão e comunicar seus pontos de vista de outros lugares através do desenho, pintura, colagem, arte contemporânea, ilustração, desenhos animados ou Manga. Algumas das obras originais nascidas das viagens, sejam figurativas ou mais alusivas, foram adquiridas pela Louis Vuitton e juntar-se-ão à colecção de arte contemporânea que está a ser montada pela empresa, enriquecendo-a com a diversidade de pontos de vista representados.

Para cada novo título, uma edição limitada de 30 cópias numeradas e assinadas pelo artista, estará disponível em lojas seleccionadas da Louis Vuitton.

Entretanto, já pode descobrir todas as entrevistas com os artistas em louisvuitton.com e nas redes sociais da Louis Vuitton.

Ler mais > Visitar Site

Turista Acidental

Antes de escrever e fotografar, a minha alma nómada já me fazia andar de um lado para outro. Fui cigana, por eles “adoptada”, e com eles andei entre 1982 e 86. Destas andanças resultou o livro “Filhos da Estrada e do Vento”, uma recolha de contos, ouvidos em muitos serões à roda da fogueira, e um documentário para a televisão, uma série de 4 episódios sobre a vida e costumes deste povo. Seguiu-se uma curta carreira de arqueóloga. O meu sonho, na altura, era ser Egiptóloga… mas não passei das planícies alentejanas e do norte de Itália.
Em 1992 comecei a escrever e fotografar sobre viagense colaborei com várias revistas como a Máxima, Grande Reportagem, Fortuna, Volta ao Mundo, Activa, Exame, Viagens, etc. Na Visão iniciei a secção das Viagens da revista. Em 95 lancei a “Rotas e Destinos”, como editora. Em 2000 resolvi lançar as minhas próprias revistas,“B de Brasil”,exclusivamente sobre o Brasil e a HS- Hotéis de Sonho.
Em 2009 deixei as edições em papel e comecei a dedicar-me ao online com a criação da turistacidental.com,onde dou dicas das coisas boas que há pelo mundo fora.
Turista Acidental
Travel Book da Louis Vuitton adiciona Havai, México e Tóquio

Most Popular

To Top