Food

Brunch do Anantara – Extravagância de marisco e champagne

Hoje, venho falar da minha mais recente descoberta, o brunch do luxuoso hotel Anantara Vilamoura. Sim, há marisco fresco local e champagne a borbulhar servidos à beira de uma piscina paradisíaca, mas este brunch inclui toda uma viagem gastronómica pelos sabores algarvios…

 

Piscina tropical no Anantara Vilamoura – Algarve

 

 

 

Brunch de assinatura no restaurante RIA

 

 

 

Esse ritual americano do brunch, uma refeição híbrida entre pequeno-almoço,  almoço e que chega quase até à hora do lanche, é a experiência gastronómica perfeita para desfrutar num domingo em família. Em Lisboa e no Porto existem imensos lugares que celebram brunches de várias temáticas, qualidades e preços… há cafés históricos, pastelarias hipster, restaurantes cool e hotéis de luxo. Porém, aqui no Algarve, mesmo em época alta, as nossas opções para tomar um bom brunch contam-se pelos dedos mãos. Já por aqui mencionei a minha admiração pelos brunches do restaurante Bovino, ou os hotéis Conrad Algarve e Hotel Faro.  E hoje venho falar da minha mais recente descoberta, o brunch do resort Anantara Vilamoura. Se gosta de marisco e champagne servidos à beira de uma piscina paradisíaca, então, este post é para si…

 

 

10-9-17-5615

10-9-17-5615

10-9-17-5615

10-9-17-5616

 

Se o nome lhe soa vagamente mas não sabe exatamente a que o hotel me refiro, eu explico. Anantara é a marca de luxo do grupo Minor Hotels que recentemente adquiriu o Hotel Tivoli Victoria em Vilamoura. A meados deste ano, o Anantara Vilamoura abriu portas, mantendo as instalações do Tivoli Victoria, mas dotando o resort de um conceito mais afinado de luxo… introduziram-se novos serviços e ofertas experienciais dignas de um cinco estrelas de Grand Luxe. Uma das novidades foi a criação do restaurante “RIA – Um tributo à Ria Formosa” junto à piscina e onde decorre este  brunch, bem como a renovação do restaurante EMO Gourmet (do qual falarei numa próxima ocasião).

 

Agora que já sabe onde estou, passemos ao importante: o Brunch. Chegámos por volta das 12:30. Estava um dia cheio de sol e à medida que desci as escadas que conduzem à esplanada do RIA, fui invadida por uma sensação de bem estar própria de quem entra no paraíso. As esvoaçantes palmeiras pincelando verde contra o céu azul, transmitem imponência e tropicalidade. Ao fundo, a vista para o verde golfe de Victoria e as zonas baixas da ria em Vilamoura, lembram-nos que estamos no centro de um Algarve magnificente.

 

Fomos recebidos por Rui Carlos, chefe do restaurante RIA, que nos acompanhou até à mesa. Quisemos ficar junto à piscina, para desfrutar em plenitude do doce Verão de Setembro. O Brunch do Anantara, seguindo o mote do restaurante RIA, é um tributo à Ria Formosa. Está repleto de ingredientes locais e de momentos que celebram a nossa Portugalidade.

 

Este brunch segue um princípio de sobriedade e elegância. É servido à mesa obedecendo a um menu de degustação fixo, onde o cliente pode escolher a especialidade de ovos e o prato principal. Como todos os pratos e bebidas são servidos à mesa, evita-se que o comensal se levante, interrompendo a conversa ou que se formem aquelas filas estranhas à frente da estação dos ovos. Ou seja, esta fórmula é muito mais confortável, permitindo desfrutar da refeição em todo o seu esplendor, mas com um mínimo de esforço e sem esperas desnecessárias.

 

Sete momentos de prazer à mesa

O menu de degustação do Brunch do RIA está composto por sete momentos. Primeiro, um cocktail de boas-vindas com assinatura Veuve Cliquot; um Amuse-bouche do Croissant Butler; um Gaspacho; segue-se um Prato de Marisco da Ria Formosa; à continuação a Especialidade de Ovos; depois o Prato principal à escolha e finalmente, as Sobremesas.  Se pensa que um brunch com buffet é muito mais farto, desengane-se, a quantidade e diversidade de comida deste menu é capaz de agasalhar o apetite ao maior glutão.

 

Se nunca esteve, deixe-me guiar-lhe por estes sete momentos de indulgência. Para o cocktail de boas-vindas, servido desde o bar Veuve Cliquot, podíamos escolher entre um copo de Champagne Brut, um Mimosa (champagne com sumo de laranja), um Belinni (champagne com puré de pêssego) ou um Bloody Mary com Ostras da Ria. Desfrutámos deste mimo sem culpas, afinal é domingo e em algum momento é preciso pôr os problemas de lado e aproveitar os bons momentos da vida. E se já havia uma sensação tropical motivada pela arquitetura da piscina, esta acentuou-se com o ritmo alegre da bossa-nova do dueto de jazz que animou a tarde.

 

Amuse Bouche do Croissant Butler

Trazem-nos agora o Amuse Bouche do Croissant Butler. Este é composto por um cestinho de pão variado, azeite Monterosa produzido em Moncarapacho no Sotavento algarvio (pode ler aqui a minha visita a este lugar único), mousse de queijo de cabra salpicado com pólen de abelhas, azeitonas, flor de sal de Tavira e cenouras algarvias marinadas em azeite, alho e coentros. A mesa de madeira com centros em azul turquesa é disposta com faiança pintada à mão em Porches, Lagoa, no Barlovento algarvio. Estava tudo delicioso, especialmente o pão de tipo bola e as azeitonas locais, que são a minha perdição.

 

 

10-9-17-5617

10-9-17-5616

Cocktail de boas-vindas e Amuse Bouche do Croissant Butler

 

 

 

Gaspacho, frescura do sul da Ibéria

O gaspacho embora se associe à gastronomia andaluza, é também um prato do receituário algarvio e alentejano. Neste caso, o Chef David Luísa serve uma receita bem fresca onde o alho aparece apenas como vaga lembrança, baseando-se na frescura do tomate, pepino, cebola e pimentos e engrossado com azeite e um pouco de pão. Esta sopa fria é uma aposta certíssima, especialmente em dias de calor para refrescar corpo e espírito. O gaspacho do Chef Luísa vem servido num caçoilo de barro e cortiça, com croutons de azeite,  tomilho e crudités de verduras.

 

E o marisco deu à costa…

O prato de marisco do RIA é uma exageração hedonística. O Chef Luísa trouxe-nos um prato a duas alturas a transbordar de bondade marinha… eram as carnosas Ostras da Ria au naturel, Sapateira recheada, Gambas, Carabineiros… uma extravagância de marisco que enche o olho e faz salivar a alma.

 

Para acompanhar esta mariscada algarvia, Rui Carlos, chefe do restaurante, recomendou-nos a prova do Quinta de Santiago, um vinho branco, Alvarinho da região de Monção e Melgaço. Em boca, o Quinta de Santiago apresenta nota de frutos exóticos e um toque de baunilha afinado no estágio de seis meses em madeira de carvalho francês. Este momento foi a união perfeita entre os frutos do mar algarvio e os frutos da terra do Minho. Portugal de Norte a Sul, do prato ao copo.

 

Extravagância de marisco no Brunch do Anantara Vilamoura

 

 

Confesso que nesta altura, apenas tínhamos começado a degustar os primeiros pratos do brunch, já o meu estômago se encontrava satisfeito. Continuei a comer por pura gula… e ainda bem, porque o que veio a seguir valeu a pena: o prato de ovos. O comensal pode escolher entre uma Omelete de Carabineiros ou um Ovo Benedict de Lagosta. Provámos os dois pratos, mas eu acho que a minha Omelete venceu o desafio.

 

Enquanto provava com deleite a minha omelete, lembrei-me que no filme The Hundred-Foot Journey  se diz que o verdadeiro talento de um chef reside na elaboração dos pratos mais corriqueiros. O Chef David Luísa poderia ter sido uma digna personagem dessa narrativa, porque entregou uma omelete que exacerbava todos os sentidos. A omelete fofa, quase em textura de soufflé, veio caramelizada no exterior e húmida no centro. Os sabores do ovo vieram enriquecidos com ervas aromáticas, miolo de carabineiro e um pouco de coral do marisco. Pura poesia.

 

O alentejano Chef David Luísa, depois da formação na Escola Profissional de Odemira, tem vindo a desenvolver a sua carreira profissional no Algarve, em vários hotéis de renome. Passou pelo Vila Vita Parc Resort, o Hotel Grande Real Santa Eulália e o CS Hotels & Resorts Algarve, antes de se juntar, como Chef executivo ao Hotel Tivoli Victória, agora Anantara Vilamoura. Eu já tinha provado o seu bem-fazer no restaurante EMO Gourmet – num patamar mais elevado de exigência gastronómica-, mas fiquei satisfeita por voltar a encontrá-lo nestas lides informais, polvilhando com a sua personalidade até os pratos mais simples.

 

 

Esta viagem gastronómica, chega agora ao prato principal. O paladar pode tentar-se por um Rosbife clássico com molho de tomilho biológico, umas Costeletas de borrego com molho de menta ou Filetes de Peixe da pesca do dia. Provámos o Rosbife de carne tenra e a variação de peixe com Pregado, Dourada e Robalo da costa algarvia, ambos servidos com batata assada e salada montanheira (especialidade algarvia com tomate, cebola, pimentos, pepinos e orégãos picados miúdos).

 

 

Rosbife

Variação de Peixe

Rosbife com Tomilho biológico e Variação de Peixe da costa

 

A última paragem dos sentidos é o doce terreno das sobremesas. Degustámos um misto de especialidades algarvias assinadas pelo Chef pasteleiro João Silva. A composição incluía um Creme Brullé com Alecrim, Arroz Doce à moda da Avó, Tarte de amêndoa, Don Rodrigo e Enrolado de laranja e alfarroba. Estes bocados de pecado tentaram-nos até à última colherada, mas devo dizer que a tarte de amêndoa e o creme brullé, foram os meus favoritos.

A tudo isto, entre prato e prato, conversa puxa conversa, o relógio já marcava as quatro da tarde. Colocámos ponto final a esta extravagância, com uns cafés expresso da Delta servidos com biscoitinhos de erva-doce.

Mimos do pasteleiro João Silva

 

 

Chef David Luísa – Anantara Vilamoura

 

 

 

Fiquei surpreendida com a quantidade e qualidade da oferta gastronómica e o serviço de cinco estrelas. Recomendo-lhe, vivamente, a experiência do Brunch de Domingo do Anantara Vilamoura, como um dos melhores brunches da região. Tem é que dar-se pressa, porque o último brunch celebra-se no domingo, dia 24 de Setembro.

 

O brunch é acessível por 65 euros por pessoa e inclui os 7 momentos descritos neste post. Cafés, chás da TWG – Finest Teas of The World, águas e o cocktail de boas-vindas também estão incluídos no preço. Se o seu apetite for muito exigente, pode ainda pedir como suplemento adicional, Camarão tigre grelhado, Lagosta grelhada ou Carabineiros fritos com alho e louro. Os vinhos são pedidos a la carte e pagos à parte. Se levar toda a família, saiba que as crianças, dos 5 aos 12, só pagam 50%.

 

Se não estiver alojado no hotel, aproveite para levar o fato de banho. Como cortesia do Anantara, pode aproveitar o resto do dia junto à piscina e, quem sabe, dormir uma sesta regalada depois de tão fausto brunch de domingo… sim, porque temos de encher a nossa vida de boas memórias e se decorrem num cenário destes, ainda melhor…

 

 

Para mais informação e reservas, por favor, consulte:

 

Anantara Vilamoura Algarve

Avenida dos Descobrimentos nº 0

8125-309 Vilamoura, Portugal

Página Web: http://vilamoura.anantara.pt

E-mail: vilamoura@anantara.com

 

 

Avenida Chique

Avenida Chique

Founder at Avenida Chique
O Avenida Chique é um blog português de viagens, turismo e gastronomia para a quem desfruta com os grandes prazeres da vida: restaurantes de eleição, hotéis e spas, os melhores vinhos e cocktails, viagens cá dentro e lá fora, artes e cultura.
Avenida Chique

The Latest

To Top